Publicidade



Clube do Corno 
Garotos Brasil  
Gls Videos  
 
 
 
 
 
 
 
 
Garotos G 
Desenho Gratis  
Suruba Digital  
Novinha 18  

Arquivo



janeiro
09
Boca do Lixo – A Bollywood Brasileira

BOCA DO LIXO

Por um momento, falava-se que cinema brasileiro só tinha mulher pelada e palavrão. Os filmes não passavam de reles pornochanchadas, em sua maioria, produzidas porcamente no centro de São Paulo, numa área conhecida como Boca do Lixo. Declarações como estas comprovam a profunda ignorância e descaso com um dos períodos mais efervescentes do cinema brasileiro. Durante os anos 1970 e 1980, entre as ruas Vitória e do Triunfo, no bairro de Santa Ifigênia, foi quando e onde o Brasil mais se aproximou de uma indústria audiovisual.

Os filmes eram produzidos sem apoio de leis de incentivo e angariavam fortunas pelo país. Formou-se um star system tupiniquim, do qual despontaram nomes como Vera Fischer, Antônio Fagundes, Tarcísio Meira, Lúcia Veríssimo, Ney Latorraca, além de um rol de estrelas como Helena Ramos, Aldine Müller, Matilde Mastrangi, Nicole Puzzi, Neide Ribeiro, Claudete Jobert e tantas outras que, por anos, habitaram o imaginário masculino brasileiro.

A malícia existia em muito dos filmes, mas a diversidade de gêneros da produção da Boca do Lixo ia muito além das malditas pornochanchadas e até mesmo o cinema de sexo explícito que se tornou vigente nos anos 1980. Westerns, filmes infantis, religiosos, musicais, de horror, dramas existenciais… em seu período áureo, a Boca fez de tudo. E mais, foi um celeiro de artistas e técnicos que possuíam um quase inocente amor à sétima arte, cuja capacidade de realizar com engenhosidade para driblar minguados orçamentos devia ser obrigatória em qualquer curso de cinema.

A Boca era a Bollywood brasileira, e isso é mostrado através de quem estava lá, fazendo cinema na frente e atrás das câmeras. Ícones como Tarcísio Meira, Antônio Fagundes, Lúcia Veríssimo, Monique Lafond, Vera Zimmerman, Aldine Müller, Neide Ribeiro, Helena Ramos, David Cardoso, Débora Muniz, Adriano Stuart, José Miziara e muitos outros nos levam em uma maliciosa e bem-humorada jornada para contar como nasceu, viveu e morreu a Boca do Lixo: a Bollywood Brasileira.

DOWNLOADFICHA TÉCNICA


0 Comentários »

0 comentários.

Deixe um comentário

Trade



  • 1.
    2.
    3.
    4.
    5.
    6.
    7.
    8.
    9.
    10.
    11.
    12.
    13.
    14.
    15.
    16.
    17.
    18.
    19.
    20.
    21.
    22.
    23.
    24.
    25.
    26.
    27.
    28.
    29.
    30.
    31.
    32.
    33.
    34.
    35.
    36.
    37.
    38.
    39.
    40.

    trocar visita

Categorias



Contato | Putaria | Revistas | Sexo |